quinta, 26 de maio de 2016 - 15:55h
Programas de inovação tecnológica implantados pelo GEA recebem homenagens
Dos cinco projetos premiados, quatro são do Governo do Estado do Amapá. Receberam reconhecimento pela eficiência e benefícios à população
Por: Anne Santos

Inovação tecnológica, benefícios para a população e economia na gestão pública, foram os principais critérios de escolha dos projetos que estão fazendo a diferença no Amapá. Dos cinco homenageados no evento tecnológico conhecido como ShowTech, quatro são do Governo do Estado do Amapá (GEA). A premiação ocorreu na noite desta quarta-feira, 25, com o objetivo de reconhecer o trabalho desenvolvido pelos órgãos públicos na área de tecnologia.

O GEA conquistou reconhecimento nas áreas de saúde, com o Sistema de Gestão Estadual da Sáude (Siges); educação, pelo Sistema Unificado de Matrículas (Simatri); segurança, com o Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp); e administração, através do Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos e Folha de Pagamento (SIGRH). Todos iniciados e executados pelo Centro de Gestão da Tecnologia e Informação (Prodap) em 2015.

Os sistemas desenvolvidos pelo Prodap visam ofertar um serviço público de qualidade para o cidadão, utilizando a tecnologia para solucionar problemas, facilitar o trabalho do servidor e melhorar o serviço prestado. “Dentro da área tecnológica, o Amapá avançou dez anos em um. Estamos informatizando todos os setores do governo”, afirmou o diretor-presidente do Prodap, Lutiano Costa.

Atualmente, o centro deixou de ser apenas provedor de internet para as secretarias e tornou-se efetivamente um órgão estratégico para o governo, no desenvolvimento de políticas públicas através da tecnologia, gerando produtos eficientes para a administração e para a população.

Mas a noite não foi apenas de homenagens.  O Prodap efetivou uma parceria com a empresa AutoDesk, participante do evento. Será firmado um termo de cooperação no valor de R$ 2 milhões em licenciamento de softwares para o programa Prodap Digital. 

Como contrapartida, o governo montará um laboratório com infraestrutura para capacitar pessoas para o desenvolvimento de programas tecnológicos.

O quinto projeto homenageado foi o MP Conectado, do Ministério Público do Amapá. Participaram do evento, gestores e técnicos do GEA e empresas do setor tecnológico.

Conheça os sistemas homenageados

SIGES

O Sistema de Gestão Estadual da Sáude (Siges) foi desenvolvido para controlar a entrada e saída de medicamentos das unidades, além de integrar e informatizar vários processos na rede de saúde. Com ele é possível identificar a quantidade de medicamentos, prazo de validade, envio e recebimento de medicamentos e prazo para licitação. 

De acordo, com o chefe do projeto pelo Prodap, Paulo Tarso, o sistema substituiu um trabalho que antes era feito manualmente e sem controle eficaz. “Ele faz a tramitação de recebimento e envio de todo material das unidades de saúde com a central da Coordenadoria de Assistência Farmacêutica. Fazer isso sem um sistema é complicado e demorado”, afirmou.

SIMATRI

O Sistema Unificado de Matrículas (Simatri) foi desenvolvido para informatizar o processo de matrícula escolar e integrar a Secretaria de Estado da Educação (Seed) com as secretarias de educação dos municípios de Macapá e Santana. Agora, todo o processo de pré-matrícula e confirmação é feito pelo sistema online.

O sistema atua em três módulos: chamada escolar, matrícula e cadastro reserva. Com isso, o governo conseguiu acabar com as filas, ofertar duas opções de escola e proporcionar comodidade na hora de matricular. “Era desgastante para o cidadão passar a noite na fila para conseguir uma vaga”, lembra a secretária de Estado da Educação, Conceição Medeiros.

Sisp

O Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp) visa integrar todos os órgãos de segurança pública. O primeiro módulo está em execução e realiza o atendimento do Centro de Integrado de Operações e Defesa Social (Ciodes). No Sisp, a ocorrência é registrada pelo cidadão, e dado o encaminhamento necessário, como o envio de viaturas.

O sistema antigo era utilizado desde 2006. As atualizações tornaran-se caras, além de estar defasado. O sisp é mais enxuto, ágil e com estatísticas mais confiáveis e precisas. O Prodap trabalha na expansão para interligar à Justiça, reduzindo custos com papel. 

O diretor do Ciodes, Paulo césar Cavalcante, que na ocasião representou o secretário de Estado da Justiça e Segurança Pública, Gastão Calandrini, ressaltou a melhoria no atendimento com o Sisp.  “É um sistema para atender melhor o cidadão e com um custo menor, que nos auxiliará nas atividades dos órgãos de segurança”.

Rodrigo Sebastiani, é o técnico do Prodap, responsável pelo trabalho. “Agradecemos a confiança. Foi um desafio desenvolver essa ferramenta, que é resultado do trabalho de uma equipe para atender nossos clientes e beneficiar a população”, disse.

SIGRH

O Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos e Folha de Pagamento (SIGRH) é responsável por fazer a gestão do servidor público. Com ele é possível acompanhar o crescimento do servidor e trabalhar as informações integradas entre os órgãos estaduais. O SIGRH aponta quais áreas necessitam de profissionais para que o GEA viabilize concursos públicos.

O sistema foi desenvolvido para atender a Secretaria de Estado da Administração (SEAD). Faz o controle de contratos de trabalho, lotação dos servidores, laudos periciais, cálculo de pagamento de retroativos e folhas suplementares. “Tínhamos um sistema que fazia o pagamento da folha, mas faltava a gestão do servidor. Esse foi objetivo para irmos atrás desse sistema”, explicou o gerente de sistemas do Prodap, Alex Rogério de Almeida.

NEWSLETTER

Receba nossas notícias em seu e-mail ou celular.

PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
Rua São José, nº 290 - Cep: 68900-110, Macapá - AP - ouvidoria@prodap.ap.gov.br
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2023 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá